Região do Minho

Partilhar:
Facebook share Email

 

Situada a Norte de Portugal, a Região Minho é delimitada, a Norte, pela fronteira com a Galiza, Espanha, e, a Oeste, pelo Oceano Atlântico. Com uma população superior a 1,1 milhão de habitantes, a região é muitas vezes associada ao verde da paisagem natural, onde abunda a água, e a uma morfologia acidentada, de enorme beleza e biodiversidade, que se aplana nos vales dos quatro rios que a atravessam e nas inúmeras praias da zona costeira. A área geográfica que actualmente compõe o Minho totaliza os 4.700 km2.

 

A singular paisagem humana tradicional, marcada por pequenos campos, pelas vinhas e campos de milho, pelas aldeias com construções em granito ou pelas casas senhoriais, são outra dimensão frequentemente assumida na caracterização da região, juntamente com a hospitalidade minhota, a riqueza da gastronomia e as vibrantes tradições, festas e romarias.
As expressões artísticas, muitas delas de natureza religiosa, remontam ao românico, passando pelo renascentista e pelo barroco. A religião foi, e é ainda, um traço identitário forte, manifestando-se nos hábitos, nos costumes e na própria geografia humana do Minho.

 

Para além destes aspectos, relacionados com a morfologia e as dimensões culturais mais tradicionais, há ainda outras vertentes que permitem caracterizar a região.

 

O tecido produtivo da região é bastante diversificado, predominando o sector secundário. Sobretudo nos concelhos mais a Sul, a economia assenta numa forte e industrialização e em pequenas unidades. Os sectores dos têxteis e da confecção de vestuário são dos mais relevantes, juntamente com o sector alimentar e o fabrico de calçado. Destacam-se também um conjunto de actividades que trabalham o metal e a madeira e que têm em comum a sua relação com a construção civil e a produção de elementos para o lar. Finalmente, são de referir as actividades com maior intensidade tecnológica, nomeadamente de equipamento electrónico, aparelhos de rádio e televisão, e um conjunto de outras actividades associadas ao sector automóvel, tais como o fabrico de componentes para automóveis e de moldes, a injecção de plásticos, a produção de produtos em borracha e de cablagens. A maioria destas actividades está concentrada num pequeno número de empresas, sugerindo a presença de grandes multinacionais.

 

Existindo na região uma especialização em actividades tradicionais, intensivas em mão-de-obra e em sectores tecnologicamente mais maduros, tem-se verificado também uma aposta forte, e crescente, dos vários agentes políticos e sócio-económicos da região no desenvolvimento de empresas que exigem maior nível de qualificação, assentes no capital humano, na inovação e no conhecimento, tais como empresas de informática, electrónica, robótica e dispositivos médicos.

 

A Universidade do Minho tem procurado ser, desde a sua criação, um agente activo no desenvolvimento da região Minho tendo adoptado explicitamente como seu objectivo estratégico contribuir para transformar o Minho numa Região de Desenvolvimento baseada no conhecimento, a “Região do Conhecimento do Minho”.

Guia de Braga

Turismo e agenda cultural.

 

 


Saiba mais

Guia de Guimarães

Turismo e agenda cultural.


Saiba mais

 
Em Destaque

Em agenda
select
 
20-10-2014 a 26-10-2014
Semana Internacional do Acesso Aberto »»