Ignorar Comandos do Friso
Saltar para o conteúdo principal
Portal UMinho

Detalhe do evento




Portal UMinho > PT > Siga a UMinho > Detalhe do evento

 Detalhe do evento

Voltar

Serviços desportivos da UMinho oferecem atividade física online

Fotos
Exemplo
UMinho Sports - logo
quarta-feira, 18/03/2020
Internet
Exemplo
Com a suspensão das atividades desportivas nos campi, o Departamento de Desporto e Cultura dos Serviços de Ação Social da UMinho (DDC-SASUM) disponibiliza - através do seu Facebook e Instagram e da app UMinho Sports (plataforma OnVirtualGym) - dinâmicas de exercício físico que se pode realizar autonomamente a partir de casa. Desafios diários e semanais, planos de treino funcional, aulas de fitness e ginástica laboral online são algumas iniciativas para proporcionar condições de prática desportiva a toda a comunidade académica. É possível aceder aos desafios e aulas propostos ou a calendarização e horários, com possibilidade de interação direta, colocando dúvidas ou questões aos profissionais por mensagem. Alguns dos atletas mais conhecidos da UMinho vão enviar dicas sobre como manter a forma neste período e outras ações divertidas.

“Esta pandemia tem implicações nunca antes vistas no nosso dia a dia e no nosso modo de viver em sociedade. É muito importante desmitificar a ideia de que estarmos em casa nos impede de praticar desporto ou exercício físico”, disse Carlos Videira, diretor do DCC-SASUM, transmitindo que “há uma série de dinâmicas possíveis, que contribuem para diversificar as atividades com que teremos que nos ocupar neste período de recolhimento”. A equipa de técnicos e profissionais da UMinho Sports, face ao encerramento das instalações desportivas, começou a interagir com os utentes no sentido de disponibilizar alguns exercícios que, pela sua simplicidade, pudessem ser feitos em casa, através da visualização de vídeos, imagens exemplificativas ou planos descritivos. “Estamos a alargar a comunicação para a comunidade em geral. No fundo, o objetivo é simples e a mensagem é clara: estar em casa não significa estar parado! É preciso continuar a mexer. Pela nossa saúde!”, afirmou Carlos Videira.